Atividade física na quarentena

Atividade física na quarentena

Nesta quarenta, mexa-se!

 

Sabia que você não só pode como deve praticar atividades físicas durante esta quarentena? Os exercícios, como sabemos bem, são grandes aliados da nossa saúde. É claro que a recomendação é não exagerar, mas 30 minutinhos diários podem ajudar e muito a aliviar o stress e a trazer pensamentos positivos durante esse período de grande tensão.

 

Confira algumas dicas:

 

  1. Alongue-se e aqueça os motores

Antes de tudo, alongue-se muito bem e, em seguida, faça um aquecimento com, por exemplo, sessões de polichinelo. Esse exercício é uma boa pedida e faz o seu corpo todo se movimentar. Para isso:

  • Fique em pé com os pés juntos e com as mãos encostadas no quadril;
  • Flexione levemente seu joelho;
  • Abra as pernas na largura do ombro e levante os braços acima da cabeça;
  • Faça esse movimento três vezes e descanse por 20 segundos.
  1. Fortaleça e cuide da sua postura

Praticar o agachamento é uma ótima pedida. Para isso:

  • Separe os pés na largura do quadril e coloque os braços para frente;
  • Flexione os joelhos e agache;
  • Você pode fazer três séries de 20 agachamentos e descansar por 30 segundos entre elas.

Para fortalecer os braços, aposte na flexão! Esse exercício é muito completo. Veja como fazer:

  • Faça a posição de prancha deitado de barriga para baixo;
  • Estique e posicione seus braços, fazendo justamente o movimento de flexão;
  • Deixe os pés juntos e o joelho encostado no chão;
  • Lembre-se de descer o tronco até que o peitoral quase encoste no chão;
  • Você pode fazer três séries de 10 repetições, fazendo um descanso de 30 segundos.

Além disso, existem alguns aplicativos que podem ajudá-lo com um treino super legal para essa quarentena e, se você puder, faça aulas virtuais com professores de educação física e personal trainer. Veja a sugestão de dois aplicativos:

BTFit – Possui versão grátis, em português, para Android e iPhone.

Freeletics – Possui versão grátis, em português, para Android e iPhone.

Importante: não ultrapasse os seus limites!